Operadora VoIP fatura mais de R$ 20 milhões em 2010

06 de dezembro de 2010
Com crescimento de receita em 73% no período, a Tesa Telecom já possui 137,5 mil clientes e, sua meta para 2011, é aumentar esta base em 64%.

A Tesa Telecom cresceu 73% em 2010, com faturamento acima dos R$ 20 milhões. Deste valor, boa parte já havia sido levantada no primeiro semestre, quando a operadora superou os R$ 12 milhões faturados ao longo de todo o ano de 2009. Com 1 37,5 mil clientes atendidos, a meta para 2011 é crescer 64%.

Um dos motivos que impulsionaram o crescimento da empresa foi o investimento em outsourcing de telecom em novos empreendimentos comerciais, realizado ainda no início do ano. “Ainda estamos sentindo os reflexos dessas aquisições. A locação de salas e escritórios tem nos rendido novos clientes”, explicou Luciano Menezes, diretor comercial e marketing da operadora.

Ainda no começo de 2010, a operadora adquiriu todo o sistema de telecomunicações do complexo empresarial WTC (composto pelo Hotel Sheraton, Shopping D&D e Centro de Convenções) o que lhes rendeu 4 mil novos clientes. Outra aquisição importante foi a carteira de clientes da VIP VOX, operadora de Campinas, com aproximadamente 150 empresas.

Paralelamente aos investimentos em complexos e centros empresariais, a Tesa intensificou sua atuação no ambiente web. Neste ano expandiram as áreas atendidas pelo “Click to Call”, ferramenta que permite o contato direto entre estabelecimento e cliente por meio da plataforma IP, sem que o último tenha de arcar com tarifas, numa espécie de 0800-web.

Mais recente, a operadora fechou acordo com a Publicar Brasil, detentora das marcas Guia Mais no Brasil e Paginas Amarillas na América Latina, e com isso disponibiliza a ferramenta às mais de 50 mil empresas cadastradas em ambos os sites.

Segundo Menezes, o acordo com a Publicar Brasil foi fundamental para os planos futuros da Tesa: “Em três anos pretendemos expandir nossa atuação para o mercado latino-americano. Este acordo foi o primeiro passo”.

Metas para 2011

Para manter o ritmo de crescimento, a empresa intensificará as ações que desenvolveu no decorrer de 2010. Entre os planos estão a expansão no mercado de outsourcing de Telecom com a aquisição de novos empreendimentos e carteiras de clientes; aumentar o número de canais Tesa e parceiros de vendas; e manter as ações que tem atingido o mercado corporativo (telefonia IP), marketing (SMS e mensagem de voz) e web.

Deixe uma resposta